Aprenda a calcular o custo do produto que você vende

Saber o custo exato do produto ou serviço que você comercializa é fundamental pra definir o preço de venda e ter um negócio saudável. 

Quando a gente fala sobre valor de venda, não é só o custo do produto que deve ser levado em conta. Entram também na conta o quanto o seu cliente pode pagar, o valor praticado pelos concorrentes e o lucro para a empresa. Mas saber o custo do produto é o fator mais importante para manter um negócio funcionando. 

Como calcular o custo do produto 

A conta que você tem que fazer é a seguinte: 

Custos Diretos + Custos Indiretos + Custos Fixos + Custos Variáveis = Custo Total 

Entenda as categorias de custos que toda empresa tem: 

Custos fixos: são os custos que não mudam de acordo com o volume de produção ou de compra de produtos para revender. Aqui entram aluguel, salários fixos, matéria-prima, manutenção de máquinas, limpeza, alimentação, transporte e outros. 

Os custos fixos estão divididos em duas categorias: 

Custos diretos: são aqueles ligados diretamente à produção ou compra de produtos sem precisar fazer um rateio. Por exemplo: o custo da matéria-prima e dos insumos. 

Custos indiretos: gastos que precisam de rateio pelo número de produtos no estoque e não estão diretamente ligados à produção ou compra de produtos. Exemplos são combustível pra buscar material no fornecedor, energia, água, alimentação, etc. 

Custos variáveis: esses valores variam conforme o volume de produção ou de compra de produtos para revender e a quantidade de vendas feitas. Em datas especiais, por exemplo, você vai vender mais e pagar mais taxas de cartão de crédito. Também entram aqui água, energia, comissões e fretes. 

Registre todas as despesas Muitos empresários têm um bom volume de vendas e não conseguem entender por que as contas não fecham e ficam sempre no prejuízo. Em 

grande parte dos casos, o que falta é o correto planejamento de todos os custos do produto ou do serviço. 

O ideal é você colocar tudo em uma planilha. E quando a gente diz tudo, é tudo mesmo: um cafézinho que você paga durante uma conversa com um fornecedor é uma despesa e deve estar mapeada. É importante tirar um tempo pra se lembrar e listar todos esses custos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Site hospedado por WordPress.com.

Acima ↑